Ilusões dos Ateus
de David Bentley Hart

         Ilusões dos Ateus leva o leitor a conhecer os argumentos dos mais conhecidos autores do neo-ateísmo e as falácias em que incorrem quando tratam da religião e, em particular, do seu inimigo de estimação: o Cristianismo. Esta, porém, é apenas uma parte – e a menos importante – da obra. Segundo David Bentley Hart, o neo-ateísmo passa ao lado do essencial, no que ao Cristianismo diz respeito: o facto de este ter sido uma revolução, no sentido mais rigoroso do termo, que obliterou o modo de vida do mundo antigo, substituindo-o
por outro muito mais humano.
          Afirmação vigorosa do valor da revolução cristã, Ilusões dos Ateus é também uma elegia a essa revolução, agora a chegar ao fim no Ocidente secularizado. Não porque os argumentos dos neo-ateístas sejam particularmente poderosos, mas porque estes argumentos são a tradução popular de uma realidade mais funda: o surgimento de uma nova cultura, que faz da vontade individual a única referência para a vida em sociedade. Vontade criadora, mas também destruidora, votada, no fim de contas, ao niilismo mais desencantado.
O livro venceu o prestigioso prémio Michael Ramsey de Teologia em 2011.

ISBN: 9789899832251
Edição: 05-2016
Editor: Frente e Verso
Idioma: Português
Dimensões: 149 x 218 x 18 mm
Encadernação: Capa mole
Páginas: 344
Tipo de Produto: Livro
Preço: € 25.00